domingo, 3 de junho de 2012

Prevenção e controle da Bouba aviária (Pipoca)

A bouba são caroços que surguem nas cristas, pernas, pata e em outras regiões do corpo das aves, aonde não tem penas

Receita de fubá com fermento fresco

Função:
Previne e cura a bouba. Mesmo vacinadas as aves devem receber a massa, pois ajuda a fortalecê-las.
Ingredientes:
meio kg de fubá (farinha de milho)
1 Tablete de fermento
Água
Modo de preparar:
Misturar o fermento com o fubá, acrescentar água até formar um mingau grosso. Deixar esta mistura fermentar por um dia,esperando que a massa passe do ponto de crescimento máximo e caia novamente e comece a azedar.
Modo de usar:
alimentar os pintos e frangos, até curar, ou até passar a época de ocorrência da doença, se for para prevenir.

Mais informações


Outro método para prevenir a Bouba é a oferta de capuxinha Tropaeolum majus L. para as aves, devido a ser muito palatável não há problemas na aceitação e pode ser oferecida in natura.
Também chamada de Chagas, mastruço e capuchinho pode ser usada na nossa alimentação, muito saborosa com gosto levemente picante tem propriedades expectorante, desinfetante, nutricional, aperiente, digestivo, antiescorbútico, anti-séptica, fortificante dos cabelos, tônica do sangue, diurética, depurativa. Muito indicada para depressão nervosa, estafa, limpeza de pele e olhos, desinfetar e cicatrizar feridas, tratamento de afecções cutâneas, enfizema pulmonar, desinfetante das vias urinárias, fortalecer o couro cabeludo.








Fontes:
Livro Alternativas ecológicas para prevenção e controle de doenças (Ines Claudete Burg e Paulo Henrique Mayer)
Guia de plantas medicinais, aromáticas e condimentares USP/ESALQ

34 comentários:

  1. Olá André.
    Infelizmente estou passando por esse problema com várias de minhas galinhas miniaturas. Nunca haviam adoecido e agora estão come essas "pipocas".
    Bom, estou medicando com Tuya na água e extrato de tuya tópica também. Isso já a 10 dias. Creio que não perderei nenhuma, mas estou muito chateada. Cuido muito da limpeza do galinheiro e dos comedouros e bebedouros. Troco sempre as camas, pulverizo contra piolhos e outras pragas. Cuido bem da alimentação e suplementação também, Aliás, acho que isso foi minha sorte, pois poucos dias antes da bouba aparecer, eu havia fornecido suplementação com Glicopan Pet por vários dias.
    Gostaria de saber, se mesmo sendo medicadas assim, eu posso oferecer a mistura de fubá e fermento que você ensinou? Agora. os caroços estão bem pretos e secos. O que acontece? Eles vão cair? Sabe me dizer sequelas? Coloquei fotos em meu blog.
    Abraços...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim pode sim acrescente também a capuxinha na dieta delas isso ajudará a previnir um novo surto, a pipoca é um vírus que se pega por contato através de insetos sugadores de sangue, muito difíceis de serem eliminados o que não é bom também, qualquer baixa na imunidade do animal pode fazer com que ele desenvolva a doença principalmente quedas bruscas de temperatura. Os caroços a partir de agora tendem a cicatrizar e cair você pode passar também miolo de abóbora ou sabão nas partes afetadas para ajudar elas a secarem mais depressa.

      Excluir
    2. Valeu! Elas estão bem e não perdi nenhuma. Essa sua dica do fubá é ótima.
      Abraços...

      Excluir
  2. Boa tarde, ganhamos 4 filhotes de peru e eles estão com bouba aviaria. Estamos tentando fazer a mistura de fubá mas a massa não esta crescendo nenhum pouco. Poderia explicar mais detalhadamente para ver onde estamos errando? Obrigada!

    ResponderExcluir
  3. Descreva como você está fazendo a receita, vários fatores podem estar afetando o crescimento da massa:
    -Qualidade do fermento
    -Validade do fermento
    -Umidade
    -Temperatura
    -Muito cloro dissolvido na água
    -Quantidade
    -Recipiente pequeno para crescimento da massa

    ResponderExcluir
  4. Estamos misturando o tablete do fermento fleischamann com 500g de fubá e acrescentando agua ate da o ponto, depois tampamos e deixamos descansar ...mas não cresce, já tentamos 3vzs e nada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tente usar o fermento fresco usado pelas padarias, qualquer padaria vendo o fermento de pão que eles mesmos usam geralmente. A água para mistura deixe descansar pelo menos 24h antes em um recipiente aberto de boca larga para eliminar o cloro da água e reserve a massa em um local com temperatura em torno de uns 25°C e sem vento, não pode ser muito frio senão a massa realmente não cresce.
      O peso do tablete deve ser de 20g, se não der certo acrescente um pouco mais não passe de 50g.
      Espero ter ajudado com essas dicas e que de certo dessa vez.

      Excluir
  5. Qual é a época de incidência da doença?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Geralmente no inverno ou quando elas sofrem algum stress muito grande. Muitas chuvas também podem desencadear a doença.

      Excluir
  6. Boa noite Andre, estou perdendo minhas codornas .com coroços nos olhos e ficam grande até tomar conta de tudo, ficam lacremejantes, até morrem. Oque eu fasso?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem algumas fotos ? Já teve este problema antes ?

      Excluir
  7. nao sei se deu problema no meu pc.. em todo caso, desculpe se estiver duplicado. encontramos no quintal um filhote d ecanarinho da terra. com pipocas sobre as palpebras. elas creseceram.. levamos no vet, demos antibiotico e nao pasa. comecei hj com esta mistura de farinha.. estou precoupada pois um dos olhinhos esta quase sendo fechado pela lesao... quantos dias leva para curar? esta lesao do olho vai regredir ou vai ficar assim?? queremos solta-lo na natureza mas se ele ficar cego.. obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como está o canário ? Em animais de produção pode-se observar uma clara melhora a partir de 15 dias em média, as lesões somem deixando apenas algumas cicatrizes em casos muito graves.

      Excluir
  8. Olá André! Parabéns pela iniciativa do blog!
    Tenho um canário belga de aproximadamente dois anos. Inicialmente ele cantava bastante, porém inciou com um quadro caracterizado por placas em pernas e pés, ausência de penas ao redor dos olhos e presença de abcessos próximo à implantação do bico! Pesquisei na internet através dessas características e notei que os sintomas se parecem com os sintomas de bouba. Em todas as pesquisas não achei nenhum lugar que indicasse um tratamento eficaz até que achei seu blog e nele havia muitos comentários de pessoas que obtiveram sucesso com suas dicas. Queria saber se possível se você tem alguma experiência no tratamento de bouba em canários?, como posso proteger os outros pássaros de adquirir a doença? Grande abraço e muito obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tenho mais experiência com animais de produção, porém essas dicas e o tratamento pode ser aplicado a aves em geral. Dietas pouco variadas são comum na produção de aves e é exatamente isso que debilita o animal nos períodos mais críticos, ofereça sempre aos animais uma dieta rica em folhas verdes e amargas com almeirão ou almeirão roxo por exemplo, sementes de canhamo são ótimas também. Pode seguir as dicas descritas nos comentários e a receita. Muito cuidado com o frio , qualidade da água e uma dieta variada. Vou estudar mais sobre canários e assim que possível posto novas matérias. Obrigado.

      Excluir
  9. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  11. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  12. Boa noite. Perdi uma Codorna hj com bouba aviária. Infelizmente não consegui salvá-la. Tenho mais uma em casa que esta saudável. Como posso fazer a prevençao nessa Codorna que ficou? Não quero perder mais uma.
    obs:crio como animal de estimação.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Basta seguir a receita. Leia os comentários, as perguntas e as respostas anteriores também pode ajudar.

      Excluir
  13. Posso usar o fermento seco para a mistura com o fubá?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não pode você deve usar o fermento biológico fresco.

      Excluir
  14. Respostas
    1. Sempre funciona e para resultados mais rápidos é interessante aplicar outros cuidados também. Como fornecer uma ração de bom valor energético, proteger os animais do frio e da chuva e eliminar situações de estresse.

      Mais receitas você pode encontrar em: http://guiadoagricultormandriao.blogspot.com.br/2016/05/prevencao-e-controle-da-bouba-aviaria.html

      Excluir
  15. Boa tarde !!minhas galinhas estão com umas bolinhas em volta do olho ,pode ser bouba? se sim qual o tratamento? Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim pode ser Bouba o melhor tratamento é fortalecer as galinhas com a mistura de fubá e fermento fresco além de fornecer a capuxinha como alimento extra.

      Excluir
  16. na internet diz que bolinhas de pimenta do reino cura a bouba aviaria vc conheçe essa soluçao realmente funciona também? E nessa soluçao sem o crecimento da massa a soluçao não cura a doença

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não conheço o tratamento com pimenta do reino e sem crescimento da massa não há fermentação esse processo faz com que as leveduras do fermento fresco liberem compostos prébioticos que são benéficos para as galinhas e é isso que cura.

      Excluir
  17. Boa tarde pode ser fubasao que compramos nas lojas aviarias ou tem de ser o fubá tipo Granfino que compramos em supermercados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O "fubasão" ou o fubá de supermercado é a mesma coisa os dois são de milho. A unica diferençá que você de se atentar é com relação a granulometria da farinha e procedência, o que isso significa ? O fubá de casa de ração ou lojas aviárias são mais grossos, com grão maiores, a moagem é mais grosseira, com milho de baixa qualidade (pouco carboidrato e nutrientes) e não há controle sanitário (fungos, bactérias e pesticidas). Já o fubá de supermercado que é destinado a alimentação humana tem maior controle sanitário, grão mais finos e é feito com milho de melhor qualidade sendo mais nutritivo.
      Qual é melhor ? Tudo é uma questão de custo benefício, se suas aves já estão doentes eu não arriscaria o fubá de casa de aves e afins, pois pode vir a causar outras doenças uma vez que as aves já estão com imunidade baixa além do processo de fermentação ser mais demorado e incompleto por causa do grão ser maior, porém se a intenção é fortalecer a revoada preventivamente e elas não estão apresentando nenhum sintoma eu optaria pela opção mais barata mas fique de olho se o preço da casa de aves e do supermercado for o mesmo opte pelo de supermercado pois a qualidade é melhor.

      Excluir
  18. Óleo de copaíba. Passar nos nodulos. Pingar 3 gotas direto na garganta dá ave por ౩ dias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O óleo de copaíba tem diversas propriedade terapêuticas e realmente funciona, porém temos um problema na administração. Um dos principais causadores da bouba aviária é a baixa imunidade causada pelo stress sofrido pelas aves e nada melhor para causar stress em uma ave do que pega-la pelo pescoço e enfiar goela abaixo qualquer coisa, além de não ser nada prático quando você tem muitas aves, os melhores métodos em relação a aves quando se trata da administração de tratamentos terapêuticos estão em misturas os "medicamentos" no alimento ou na água que elas consomem é totalmente contra indicado a alimentação ou administração forçada e vai contra as boas práticas de bem estar animal, exatamente pela exposição do animal e da pessoa a acidentes as muitas vezes graves que podem levar a óbito. Salvo situação de real risco para vida do animal não é recomendado esse tipo de prática.

      Excluir